Russas–CE, Segunda–feira, 18 de Dezembro de 2017

Internet
Nordeste a regio que mais cresce, mas representa s 13% das visitas na internet.
amaior.png amenor.png anormal.png

Embora o Sudeste continue liderando o ranking de visitas na internet no pas com 61,11% do market share, a regio que mais ganhou espao na web ao longo dos ltimos 6 meses foi a Nordeste, com um crescimento de 7,53%, chegando a 13% do share nacional.



 o que revela a ltima pesquisa do Hitwise Brasil, um servio da Serasa Experian. A pesquisa comparou o perodo de 12 semanas terminadas em 05/06/2010 com o de 12 semanas terminadas em 04/12/2010. Tambm foram identificados os sites mais populares em market share de visitas em cada Estado e em cada regio do pas na semana de 04/12/2010.

Alguns dos Estados que mais ganharam relevncia no pas de um perodo para o outro esto concentrados na regio Nordeste. o caso do Rio Grande do Norte, Paraba e Pernambuco, que cresceram 10,10%, 9,14% e 8,39% cada um. Todos os outros Estados da regio tambm apresentaram algum grau de crescimento: Bahia (7,71%), Cear (7,19%), Sergipe (7,07%), Alagoas (2,94%), Maranho (1,81%) e Piau (0,40%).

A Bahia o Estado nordestino com maior market share de visitas internet no pas (4,43%).

Uma anlise dos 50 primeiros sites mais populares no Estado, que sozinhos representam 55,84% de todas as visitas na Bahia, revela que as categorias que mais se destacaram so: Ferramentas de Busca (40%), Redes Sociais (24,75%), Sites de E-mail (10,69%), Portais (7,91%), Vdeo e Multimdia (4,79%) e Esportes (1,92%).

“Embora primeira vista esses dados possam surpreender parte do pblico, sabemos que diversos indicadores de mercado tm mostrado que o Nordeste est, realmente, puxando a economia brasileira para cima nos ltimos anos. Com a pesquisa do Hitwise Brasil, verificamos que essa tendncia existe tambm na internet” afirma Juliano Marclio, presidente da Unidade de Servios de Marketing da Serasa Experian para a Amrica Latina.

O ranking dos sites mais populares na Bahia liderado pelos sites do Google, assim como no resto do pas: Google Brasil (11,43%), Google (9,99%) e Orkut (9,22%) J o Bing, ferramenta de busca lanada em 2009 pela Microsoft em parceria com o Yahoo! para fazer frente hegemonia do Google, apresenta um desempenho ligeiramente melhor no estado baiano do que no pas em geral, respectivamente na 19 e 21 posio.

Facebook e Twitter na Bahia aparecem em posies mais atrs em relao s colocaes que ocupam no ranking do Brasil em geral. O primeiro est em 13 no Estado e 12 no pas, enquanto o segundo ainda ocupa a 28 posio na Bahia e j o 17 em todo o Brasil. Por outro lado, a verso em Portugus da Wikipedia j est em 15 no estado, mas ainda o 20 no pas inteiro. 

No Sudeste, regio que recuou 0,73% no perodo, o Rio de Janeiro e o Esprito Santo se destacaram com crescimentos importantes de 9,34% e 5,66% respectivamente. J So Paulo e Minas Gerais caram: 3,94% e 2,20% cada um, mas continuam entre os mais relevantes em market share de visitas internet.

A regio Centro-Oeste caiu 2,09% em representatividade e possui agora 7,48% do total nacional de visitas. Gois perdeu 5,44%, Mato Grosso 1,87% e Mato Grosso do Sul 0,06%.

O Sul tambm perdeu em representatividade e recuou 1,88%, atingindo 15,7% do bolo nacional. Isso ocorreu porque, embora Santa Catarina tenha avanado 3,64%, Rio Grande do Sul e Paran caram 0,78% e 5,71% respectivamente.

Apesar da regio Norte no ter apresentado variaes, continuando com 2,71% o Estado que mais cresceu em todo o Brasil em representatividade foi justamente o Amap, com 12,13% de acrscimo no perodo. 

O Par foi o outro Estado da regio que apresentou crescimento, com 2,82% de avano. Os demais Estados perderam representatividade: Roraima (-11,48%), Acre (-10,23%), Amazonas (-2,13%), Tocantins (-0,86%) e Rondnia (-0,55%). O Distrito Federal registrou crescimento tmido de apenas 0,78%, chegando a 2,97% do share de visitas internet no Brasil.

Enviado em: 14/12/2010
grupo.png 0 pessoas comentaram

comentario.png Deixe seu comentario
Nome:

Email: (não é obrigatório)

Comentario:

Digite o que está escrito abaixo:

Copyleft© ONG Ação Digital 2012 – versão 2.6

Desenvolvido por Jezmael Basilio & Thalles Robson